jueves, octubre 29, 2020

Andretti lidera último treino livre do fim de semana para a Indy 500; Castroneves é 2º

Texto: Geferson Kern / colaborador Brasil do IndyCarLatinos.com

No último treino livre da primeira semana de programação das 500 Milhas de Indianápolis, Marco Andretti repetiu o roteiro que o levou, horas antes neste domingo (16), a sua primeira pole position da carreira na prova: surgiu nos últimos instantes para virar 224,122 mph (360,612 km/h) e tomar a liderança do treino, que estava com Hélio Castroneves, que virou 224,067 (360,523 km/h). A diferença foi ainda menor do que aquela que garantiu a pole do neto de Mario Andretti sobre Scott Dixon: apenas 10 milésimos de segundo separaram os melhores tempos de cada um.

Dixon, aliás, foi um dos nomes do treino: sofreu o segundo acidente dos treinos ao rodar na saída da curva 4, raspar o muro externo e atingir o pit wall. Ainda dentro da sessão de 2h25min de duração, a Chip Ganassi consertou seu carro e o devolveu à pista em tempo de virar a 223,686 (359,910 km/h), média que o fez liderar boa parte da sessão. Não foi o suficiente, no entanto, para deter o ímpeto de Andretti, que manteve os 100% de aproveitamento nos treinos realizados desde a sexta-feira (14).

Ryan Hunter-Reay, Santino Ferrucci, Conor Daly, Marcus Ericsson, Pato O’Ward, Ed Carpenter e Alex Palou completaram o Top-10 no treino, já realizado com o setup de corrida, em que os motores tem cerca de 50 cv a menos do que na classificação. Fernando Alonso, mesmo tendo rodado dentro do pitlane ao sair dos boxes, veio logo depois, em 11º, à frente de Alexander Rossi e Will Power. O brasileiro Tony Kanaan repetiu no treino final sua posição de classificação e foi 22º, próximo dos outros dois pilotos da Penske – Josef Newgarden foi o 20º, enquanto Simon Pagenaud ficou em 23º.

Alonso e seu companheiro mexicano da McLaren foram os pilotos que mais rodaram na sessão: 115 voltas cada. Além deles, Castroneves, Power, Zach Veach e Max Chilton também completaram 100 voltas ou mais, marca que representa metade da distância de 500 Milhas de corrida. Fora do tráfego, o mais rápido foi o novato Rinus VeeKay, 19º na geral, com 219,515 mph (353,199 km/h), seguido de Dalton Kellett (25º na geral) e Takuma Sato (26º na classificação do treino livre).

A ausência do treino foi James Davison, que neste domingo foi a Daytona disputar prova da Nascar Cup Series. Os 33 pilotos que alinharão na 104ª edição das 500 Milhas de Indianápolis voltam à pista antes da prova apenas mais uma vez, na próxima sexta-feira (21), com o Carb Day, treino livre com duas horas de duração. A prova acontece no próximo domingo (23), a partir das 15h, com transmissão para o Brasil por TV aberta pela Band e via streaming pelo DAZN.

Latest Posts

Ericsson renueva asociación con Chip Ganassi Racing para 2021 y más allá

Marcus Ericsson regresará al auto No. 8...

Honda liga tercer Campeonato de Fabricantes consecutivo

Para Honda Performance Development, la temporada 2020...