jueves, agosto 5, 2021

St. Pete registra o menor índice de abandonos das últimas cinco temporadas

A segunda corrida da Fórmula Indy 2021 foi disputada neste último domingo (25), em St. Pete. Vencido por Colton Herta, o circuito de rua costuma ser marcado pela quantidade de incidentes e baixas de pilotos durante a prova.

Com as ruas estreitas e curvas acentuadas, St. Pete “prega peça” na maioria dos pilotos, inclusive, nos mais experientes que acabam se perdendo em alguns setores da pista por conta da dificuldade técnica do circuito comparado com os estilos misto e oval.

As ruas de St. Pete dificulta possíveis ultrapassagens e coloca as manobras dos pilotos em risco. No entanto, os números desta edição mostraram outro cenário em comparação com as últimas cinco temporadas. Na corrida deste domingo, foram registradas apenas duas baixas: Max Chilton e Dalton Kellett. Eles deixaram a prova nas voltas 18 e 67, respectivamente.

Na temporada anterior da Fórmula Indy, aconteceram cinco baixas na prova em São Petersburgo. Na ocasião, nem o veterano e campeão da Indy (2014) Will Power conseguiu escapar. Além de Power, que correu apenas 35 voltas de 100, Santino Ferrucci, Scott McLaughlin, Alexander Rossi e Marco Andretti, não terminaram a corrida.

Will Power largou em 20º no grid em St. Pete, mas recuperou posições e terminou em 8º lugar.

Já em 2019, o número de baixas foi o triplo da edição atual: ao todo, seis pilotos deixaram a prova: Sebastien Bourdais, Ryan Hunter-Reay, Matheus Leist, Ed Jones, Marcus Ericsson e Takuma Sato.

Em 2018 o número caiu para quatro, ainda assim, o dobro comparado com a temporada de 2021 no GP. Na época, Matheus Leits, Jack Harvey, Rene Binder e Robert Wickens não superaram as dificuldades do circuito de rua. Por fim, em 2017, foram três baixas após a bandeirada final: Carlos Muñoz, Spencer Pigot e novamente, Will Power.

Após os desafios de St. Pete, a Fórmula Indy segue adiante com a disputa pelo título e neste final de semana terá rodada dupla no Texas, com a primeira corrida sendo disputada no sábado (01) e a segunda no domingo (2).

Latest Posts

Se forma Juncos Hollinger Racing; tiempo completo en INDYCAR en 2022

Ricardo Juncos anunció una asociación con Brad...

Nicci Daly, prima de Conor Daly y ex Juncos, participa en Tokio

Los Juegos Olímpicos de Verano en Tokio...

Castroneves, de vuelta en INDYCAR de tiempo completo en 2022 con Meyer Shank Racing

Helio Castroneves regresará para una temporada completa...