miércoles, julio 28, 2021

Bi de Indianápolis, Montoya volta às 500 Milhas pela McLaren em 2021

Texto: Geferson Kern/Colaborador Brasil do IndyCarLatinos.com

A McLaren anunciou nesta quarta-feira (9) a contratação de Juan Pablo Montoya para pilotar o terceiro carro da equipe nas 105ª edição das 500 Milhas de Indianápolis.

O colombiano, de 45 anos, estava afastado do Maior Espetáculo das Corridas desde 2017, quando chegou em sexto com um carro da Penske, por onde disputou as últimas três temporadas na IMSA. Bicampeão da Indy 500 em 2000 e 2015, Montoya se juntará aos titulares Pato O’Ward e Felix Rosenqvist e ocupará a vaga de Fernando Alonso, que pilotou o terceiro carro do time na prova deste ano.

“Estou muito empolgado em me juntar à equipe para as 500 Milhas de Indianápolis. Tenho uma grande história com a McLaren na Fórmula 1 e estou ansioso para continuar escrevendo essa história em Indianápolis no próximo ano”, disse o piloto latino, que competiu pelo time de origem neozelandesa na Europa em 2005 e 2006.

Naquele ano, ele deixou a escuderia em meio ao campeonato para se juntar a Chip Ganassi, por onde havia sido campeão da CART em 1999 e da Indy 500 em 2000. No acordo, Montoya disputou a Nascar de 2007 a 2013 pelo time de Scott Dixon, com duas vitórias conquistadas.

Co-proprietário da operação da equipe na Fórmula Indy, Sam Schmidt se disse animado com a chegada do colombiano para a prova máxima da temporada.

“A experiência dele vai elevar o nível de toda a equipe, incluindo nossos jovens e talentosos pilotos Pato e Felix. Quando você pensa que ele [Montoya] só competiu nas 500 Milhas de Indianápolis por cinco vezes, mas venceu em duas, isso é impressionante”, analisou, em referência ao curto mas vitorioso currículo do colombiano na prova, na qual participou apenas em 2000 (pela Ganassi) e de 2014 a 2017 (na Penske).

“Estou encantado que Juan tenha se juntado novamente à família McLaren para as 500 Milhas de Indianápolis”, disse o CEO da McLaren Racing, Zak Brown. “Ele é um piloto intensamente competitivo e muito versátil, com profunda experiência no esporte a motor de alto nível. Ter ele conosco na Indy 500 em 2021 será ótimo para o time e para os fãs da Indy em todos os lugares”, frisou.

O colombiano terá como engenheiro Craig Hampson, que trabalhou com Alonso em 2020 e possui experiência nas equipes Dale Coyne e Andretti, além de mais de 20 anos pela extinta escuderia Newman-Haas.

Além do bi nas 500 Milhas, do título da CART em 1999 e das vitórias na Nascar, o currículo de Montoya inclui 15 vitórias e 17 poles na Indy, com 26 pódios, além de sete vitórias na Fórmula 1 e os títulos da Fórmula 3000 em 1998 e da IMSA em 2019.

Em 2021, o colombiano, que era companheiro de Hélio Castroneves no programa da Penske na classe de protótipos, também disputará o WEC pela categoria LMP2 com a DragonSpeed, que esteve na Indy 500 nos últimos dois anos.

Latest Posts

Nicci Daly, prima de Conor Daly y ex Juncos, participa en Tokio

Los Juegos Olímpicos de Verano en Tokio...

Castroneves, de vuelta en INDYCAR de tiempo completo en 2022 con Meyer Shank Racing

Helio Castroneves regresará para una temporada completa...

INDYCAR forma asociación con Motorsport Games para lanzar videojuego en 2023

INDYCAR ha formado una nueva asociación oficial...